Seja bem vindo!

Nova Canaã

Home
Fique por Dentro
  • Blog

O comportamento dos animais na fase de desmama

POR: Fortuna Nutrição Animal

Durante a fase da desmama, os animais apresentam um comportamento facilmente identificável, o que facilita adotar um manejo específico nesse período, com o objetivo de que tenham nutrição e condição corporal adequada.

A desmama — separação do bezerro da mãe — é feita com o intuito de que o bezerro não dependa mais do leite materno como fonte de alimento. Isso porque ele já tem capacidade de suprir a demanda nutricional por meio do consumo de forragem.

Portanto, o manejo visa ofertar alimento diferenciado para o bezerro no pós-desmame, prepará-lo para o início da recria e recuperar a condição corporal da matriz para a próxima estação reprodutiva, podendo, assim, melhorar os índices de concepção.

Estresses durante a desmama

A desmama representa um período de grande estresse para os animais, tanto para a vaca como para o bezerro. Mas, o comportamento dos animais na fase de desmama é previsível e conhecido, por conta disso, é possível traçar meios de reduzir o estresse.

Um dos primeiros comportamentos típicos na desmama é a vocalização alta por longos períodos. Os animais fazem isso como uma maneira de chamar um ao outro. Além disso, eles se movimentam pela área ao invés de pastejar, ruminar e descansar.

Variáveis que podem causar estresse para a mãe:

  • Separação do bezerro;
  • Reorganização hierárquica dentro do rebanho devido aos novos lotes;
  • Mudanças de pastos;
  • Manejos adicionais que são realizados;
  • Transporte para outras propriedades e início da estação de monta.

Variáveis que podem causar estresse para o bezerro:

  • Inclusão em novos lotes;
  • Manejo até então desconhecido;
  • Inclusão de alimento novo;
  • Queda da imunidade;
  • Distúrbios relacionados ao estresse prolongado.

Cuidados na Nutrição

Essa alteração comportamental ocasiona consequências negativas no desenvolvimento e bem-estar dos animais. Nessas situações, é necessário atentar para o estado nutricional dos bezerros desmamados e das matrizes.

As fêmeas tendem a perder peso durante a amamentação, pois mobilizam nutrientes para a mantença corporal e produção de leite. Esse escore deve ser recuperado para retornar ao cio rapidamente e reduzir o intervalo entre partos.

Para os bezerros, é necessário atentar para a dificuldade em ingerir o novo alimento concentrado, que deve ser incluído com intuito de atender as exigências nutricionais e intensificar o período de recria.

Como nutrir corretamente na fase de desmama

Para ambas as categorias, é essencial a inclusão dietética de nutrientes, principalmente micro minerais, que atuam diretamente na síntese proteica e do DNA, importantes para a formação dos sistemas imunológico e nervoso, tecido muscular e órgãos, desde a fase embrionária até a fase adulta.

A imunidade é essencial para o bezerro desmamado, especialmente para os nascidos fracos, influenciando no desempenho e deixando-o mais suscetíveis a doenças. Alguns minerais se destacam:

  • Selênio;
  • Manganês;
  • Cobalto
  • Iodo;
  • Cobre;
  • Magnésio;
  • Zinco;
  • Cromo.

Esses minerais são importantes para manutenção do sistema muscular, imunológico, e reprodutivo. Além disso, por complementar o metabolismo, atuam de forma efetiva em períodos de estresse para o animal, suprindo a perda dos nutrientes, garantindo a recuperação do animal e mantendo ganho de peso e desempenho reprodutivo.

O cromo é o principal nutriente anti estresse e está envolvido no controle da taxa de açúcares no sangue, regulando os níveis de insulina. A inclusão desse nutriente na dieta reduz o estresse causado pelo comportamento na desmama, transporte, altas temperaturas, castração e promove a produção de carne e leite, sem falhas na reprodução. O cromo deve ser sempre fornecido junto a alguns aminoácidos (forma orgânica) ou não será absorvido.

A Fortuna possui a Molécula Max Resultado para Desmama. Esta molécula exclusiva proporciona todas a condições para combater o estresse desta fase e fornece elementos que aumentam a imunidade do animal, criando condições para regularização do consumo e ativação do desempenho.

Observações práticas e medições realizadas em clientes parceiros atestam que o desempenho destes animais utilizando suplementos convencionais proporcionam ganhos muito baixos (0-100g/cab/dia) entre 30 e 60 dias pós desmame. Em outros locais, utilizando Fortuprot Desmama Prime 0.2 foi observado aumento considerável do ganho de peso, justificando o uso de um produto específico para esta fase.

Consulte o ATC da sua região para maiores informações deste produto. 

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Veja também

Blog
19 de janeiro
# Suplementar nas Águas: “Empurrar o carro ladeira Abaixo”
Bovinos criados em sistemas de pastagens, tendo o pasto como a principal fonte de alimento, …
Saiba mais
Blog
19 de janeiro
# A sustentabilidade no Agronegócio
Conheça cinco práticas que podem ser implantadas na sua propriedade para contribuir para a sustentabilidade …
Saiba mais

Nova canaã

Conhecemos os desafios do campo porque também somos produtores. Especializados em nutrir seu rebanho com muita tecnologia, inovação e produtos de alta qualidade.

Nossa Fábrica

Rodovia MT 320, km 193
Nova Canaã do Norte – MT
CEP 78515-000

(66) 3551-1280

Contato

nas redes